Curso de Operador de Controle de Lastro - COPL
(Ballast Control Operator - BCO)


Objetivo do Curso

Este curso tem como propósito qualificar o aluno, Tripulante Não-Aquaviário (TNA), para o exercício das atividades de Operador de Controle de Lastro em Unidades Offshore Móveis (UOM). Este profissional é o responsável pelo controle diário do trim, calado e estabilidade da unidade.

fio

Perfil do candidato

O candidato ao curso deve ter mais de 18 anos, apresentar certificado de conclusão do ensino superior ou médio em áreas de conhecimento técnico-científico com concentração em mecânica, eletricidade ou eletrônica, possuir conhecimentos de informática suficientes para utilizar programas de cálculos de estabilidade e, ainda, conhecimentos de língua inglesa para leitura técnica.

Além disso, o candidato deverá apresentar à Instituição de Ensino, no ato da matrícula, um documento expedido por Empresa Operadora que garanta o Estágio Embarcado em Unidade Móvel Offshore, cópia do atestado de boas condições de saúde física e mental e dos documentos de identidade e CPF.

Importante: o profissional que passar mais de 02 (dois) anos sem exercer a atividade de operador de controle de lastro deverá novamente realizar o curso, em face da constante evolu��o tecnol�gica e da seguran�a operacional das UOM.

fio

Conteúdo e carga horária

160 h/aula

O curso é constituído por uma parte teórica e outra prática. A primeira é composta pelos conhecimentos mínimos necessários à certificação, de acordo com a Tabela 6.4 e o item 6.4 do Anexo da Resolução A.891(21). A parte prática consiste no estágio embarcado a bordo de Unidade Móvel Offshore, sob a supervisão de profissional qualificado e experiente a ser designado pelo gerente da embarcação:

Módulos Conteúdo/prática Carga Horária
Teórico Controle da Estabilidade de Unidade Offshore 124 h/aula
Prático Estágio Embarcado* 50 dias
tempo reserva   20 h/aula
Avaliação   16 h/aula
Carga horária total   160 h/aula

*O estágio pode ser realizado em vários embarques. Ao final do período a ser cumprido, o aluno deve entregar à Instituição de Ensino um Livro de estágio avaliado pelo orientador técnico designado pelo Gerente da unidade.